Autor(es):Gisele Bizerra da Cunha, Newton Freire Murce Filho
Ano:2016
Comitê:Comitê Dança em Mediações Educacionais
Título:A DANÇA COMO ESTÍMULO E POSSIBILIDADE PARA A PESSOA COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL: UM ESTUDO COM EDUCANDOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE APARECIDA DE GOIÂNIA
DANCE AS STIMULUS AND CHANCE FOR PEOPLE WITH INTELLECTUAL DISABILITIES: A STUDY WITH STUDENTS IN THE APARECIDA DE GOIÂNIA MUNICIPAL EDUCATION SYSTEM
Resumo: 
 O estudo tem como objetivo analisar os benefícios da dança para pessoas com deficiência intelectual, tendo como base uma pesquisa bibliográfica e observações em aulas práticas de dança de duas escolas na rede municipal de Ensino de Aparecida de Goiânia. O início desse estudo surgiu pelo interesse na compreensão da linguagem corporal de um grupo que tenta romper com as configurações de uma sociedade padronizada. Trilharam-se caminhos na busca de identificar as contribuições da dança para as pessoas com este tipo de deficiência, entendendo-se que a dança proporciona um novo olhar para esse corpo dotado de barreiras sócio-culturais e que, mesmo com dificuldade, é repleto de desejos, vontades e, acima de tudo, trata-se de um corpo capaz de superar barreiras e seus próprios limites. O trabalho tem como referencial teórico LABAN (1981), FIGUEIREDO (1999), CINTRA (2002), WINNICK (2004), entre outros, bem como as leis que regem a inclusão escolar.
 

The study aims to analyze the benefits of dance for people with intellectual disabilities, based on a bibliographic research and observations in dance classes in two schools in the Aparecida de Goiânia municipal education system. The origins of the study is connected to the interest in understanding the body language of a group trying to break the configurations of a standardized society. Paths were taken in order to identify the dance contributions for people with this type of disability, having in mind that dance can provide a new understanding of this body endowed with socio-cultural barriers and that even with difficulty, is filled with desires, wishes and, above all, it is a body capable of overcoming barriers and their own limits. The theoretical background is based on LABAN (1981), FIGUEIREDO (1999), CINTRA (2002), WINNICK (2004), among others, and the laws governing school inclusion.
Fazer download